O cavalo crioulo

0
40
O cavalo crioulo
Site do Café

O cavalo crioulo

Ao invadirem a Península Ibérica, os mouros levaram para essa região, trazidos por eles da Ásia e da África, alguns cavalos árabes e bérberes. Cruzando essas raças, eles obtiveram o cavalo Ibérico, em Portugal e na Espanha, de onde ele se espalhou por toda a Europa. Seu valor zootécnico já era conhecido no Século XII, como um animal de grande força, muita resistência e rústico, o que fez com que ele fosse empregado na formação de muitas raças.

Os primeiros cavalos chegaram ao Brasil em 1550, vindos de Cabo Verde, a mando de Tomé de Souza. A sua criação começou no Rio Grande do Sul, no começo do Século XVII, com animais trazidos pelos jesuítas, de pastagens entre os rios Uruguai e Paraguai. Nesse estado sulino, ele se reproduziu livremente pelos campos.

Na Segunda metade do século XIX, para melhorar a criação de eqüinos, os criadores começaram a importar reprodutores puro sangue de corrida, árabe e de outras raças leves, para cruzar com os nativos pêlos duros, obtendo assim, um tipo de cavalo mais bonito e esbelto. Dessa maneira, o cavalo rio-grandense já ia se tornando raro, sendo substituído pelos mestiços de outras raças.

Nessa época, porém, muitos criadores não se conformavam em assistir o desaparecimento do cavalo crioulo e se empenharam em recuperar essa raça empregando, para isso, uma rigorosa e bem orientada seleção de animais das criações puras, que ainda existiam, iniciando-se dessa maneira o melhoramento do cavalo crioulo, como raça, o que pode ser considerado um orgulho para a pecuária brasileira.

Outro fator que concorreu para o desenvolvimento e o melhoramento da raça crioula, foi a fundação, em 1932, de uma associação de criadores na cidade de Bagé, no Rio Grande do Sul.

Além de tudo, o cavalo crioulo é muito rústico, bastante resistente às condições ambientais, desde os climas temperados, quentes e até aos frios. É um animal bem conformado, de boa altura, pois os machos medem, em média, 1,45m de altura e as fêmeas de 1,38m a 1,50m. Seu peso pode variar de 400 a 500kg.

Quanto à sua cor, as preferidas e que os crioulos podem apresentar, são a pelagem baia, vermelha, rosilha, alazã, moura, escura, tordilha e a gateada. O crioulo é inteligente e dócil, além de possuir um temperamento vivo e ativo. Suporta cargas de 130 ou 140kg, é bastante resistente a fome ou a sede, fadiga, bem como ao mau tempo e as tempestades.

Deixe uma resposta